Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Cadernos de Gênero e Diversidade é uma publicação trimestral dedicada a divulgar resultados de pesquisas e intervenções de interesse dos Estudos de Gênero, Estudos Étnico-Raciais, Estudos de Sexualidade e outros campos interdisciplinares envolvidos com questões de diversidade.  A revista aceitará contribuições nos seguintes formatos: Artigos, Ensaios, Diários de Campo, Dossiês e Resenhas. 

A submissão, avaliação e publicação de textos para a revista é livre e sem custo.

ISSN 2525-6904.

 
 
 

 

Políticas de Seção

Apresentação

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Artigos

Seção dedicada à publicação de artigos com autoria declarada de discente, explicitando-se os nomes das/os professoras/es orientador/a(s), que apresenta e discute ideias, métodos, técnicas, processos e resultados nas diversas áreas de Gênero e Diversidade, devendo evidenciar em sua construção os tópicos relacionados à problematização da pesquisa ou intervenção, à revisão de literatura, aos objetivos e ao método utilizado para coleta e análise dos dados.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Entrevistas

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Dossiê

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Ensaios

Seção dedicada à publicação de produções textuais breves que expõe ideias, conceitos, reflexões ou observações acerca de um determinado tema ou autoras/es. Consiste, também, na defesa de um ponto de vista pessoal e subjetivo sobre um tema dos campos dos Estudos de Gênero e Diversidade. É uma contribuição menos formal e mais flexível do que o artigo científico.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Diários de Campo

Seção dedicada à publicação de materiais de pesquisa e intervenção escritos para registrar uma determinada situação vivida. Os diários de campo são textos autorais em que se descreve e analisa uma situação (ou situações) de pesquisa ou intervenção em que a bagagem teórica de investigação da/o autor/a deve ser explicitada.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Seção dedicada à publicação de análises de produtos acadêmicos publicados nos dois anos anteriores à publicação do número da revista. A resenha apresenta o exame, a análise ou o julgamento de um trabalho já publicado, com posicionamentos críticos.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Só poderão ser submetidas à revista contribuições inéditas.

Após a submissão as contribuições serão enviadas para pareceristas ad doc.

 
 
 

 

Periodicidade

Os itens da revista serão publicados coletivamente quando o sumário estiver pronto, ou individualmente, adicionando-se os mesmos ao sumário atual quando prontos.

 

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. A submissão de textos para a revista também é livre e sem custo.

 

 

Normas de Submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da colaboração em relação a todos os itens listados a seguir:

1. As contribuições devem ser condizentes com o foco da revista (Estudos de Gênero, Estudos Étnico-Raciais, Estudos de Sexualidade e outros campos interdisciplinares envolvidos com questões de diversidade).

2. Devem ser originais, inéditas e não devem estar sob análise para publicação por outra revista.

3. Devem ser apresentadas para uma das seguintes seções: Artigos, EnsaiosDiários de CampoEntrevistasResenhas, por meio de cadastramento do usuário e inclusão do artigo neste site.

4. Os textos submetidos devem ter o formato Microsoft Word.

5. O documento deve ser anexado sem menção da autoria e sem identificação nas propriedades e conter: a) título do trabalho em português e segunda língua (preferencialmente inglês, francês ou espanhol); b) resumo de 100 a 250 palavras, em um parágrafo único; c) De três a cinco palavras-chave dispostas logo abaixo do resumo, formadas por expressões com no máximo três termos  e separadas por ponto; c)  abstractrésumé ou resumen, assim como keywords, mots clefs ou palabras clave, que sejam a tradução fiel e correta do resumo e palavras chave  em português; e d) corpo do texto, incluindo notas e referências, tabelas, quadros e gráficos, quando utilizados, em conformidade com as orientações da Associação Brasileira de Normas Técnicas- ABNT e Manual de Estilo Acadêmico da UFBA (disponível em: <https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ri/14310/1/manual%20de%20estilo%20academico-2013%20Repositorio2.pdf>).

6. Os textos devem ser compostos, necessariamente, dos seguintes elementos: introdução – parte inicial, que compreende a delimitação do assunto tratado, os objetivos do trabalho e outros elementos para situar o tema abordado; desenvolvimento – parte principal, na qual são feitas a exposição concisa do assunto tratado e a análise das informações utilizadas, podendo dividir-se em seções e subseções (todas enumeradas), conforme a abordagem do tema e do método, que deve ser explicitado; considerações finais – parte final, em que são apresentadas as conclusões e, opcionalmente, os comentários adicionais.

7. As siglas devem ser antecedidas do nome por extenso e escritas em parênteses, sem pontos entre as letras. Algumas siglas dispensam a definição por extenso devido a sua popularidade. Siglas que tenham até três letras são grafadas em maiúsculas. Acima de três, usa-se apenas a inicial em maiúscula quando formarem palavras. As exceções são para siglas que foram instituídas com o formato próprio. As siglas em inglês e em espanhol, mesmo quando formam uma palavra, são escritas em caixa alta.

8. As notas de rodapé devem ser exclusivamente explicativas e numeradas.

9. Os quadros, gráficos, tabelas, mapas e imagens devem ser precedidos de numeração e título, trazer a indicação da fonte correspondente imediatamente abaixo (mesmo quando for elaboração própria). No caso de fotografias, indicar o crédito devido e a respectiva autorização quando nelas for possível identificar pessoas.

10. Aspas, itálico e negrito. As aspas duplas devem ser utilizadas: no início e no final de citações que não ultrapassem três linhas; em citações textuais no rodapé; em expressões de idioma vernáculo usuais apenas em meio profissional; em termos relativizados, tais como gírias, apelidos, com sentido irônico ou fora do contexto; e, em definições conceituais de termosO itálico deve ser adotado para: palavras ou expressões em outros idiomas; conceitos e categorias nativas; títulos de publicações (científicas, literárias, da mídia etc.); e, obras artísticas citadas no corpo do texto. O negrito deve ser usado para títulos, subtítulos e destaque nas referências bibliográficas.

11. As referências bibliográficas devem conter exclusivamente os autores e textos citados no trabalho e ser apresentadas ao final do texto, em ordem alfabética.

12. As citações e referências de documentos devem obedecer, respectivamente, às NBR 10520 e NBR 6022 da ABNT. 

13. As citações diretas, mediante transcrição literal de texto citado, que não começarem no início da frase devem ser precedidas de [...], e o mesmo se aplica nos casos em que elas não acabarem em ponto.

14. As propostas de contribuição que não estiverem de acordo com as orientações fixadas poderão ser rejeitadas.

15. A remessa espontânea de qualquer contribuição inédita implica automaticamente a cessão de direitos autorais (reprodução/divulgação) à Cadernos de Gênero e Diversidade, assim autorizada à publicá-la. Reservados os direitos da revista, fica autorizada a reprodução posterior desses trabalhos, sob a condição de que seja mencionada a publicação original na Cadernos de Gênero e Diversidade, inclusive em caso de tradução.

16. A política de retratação, preocupação, redundância, dentre outras seguirão as orientações do COPE disponíveis em <https://publicationethics.org/files/retraction%20guidelines_0.pdf>.

 
 
 

 

Indexadores e Qualis

 
 

Quadriênio 2013-2016:

B4 - Antropologia/Arqueologia

B4 – Sociologia

C - Direito