As noções de práxis e poiêsis em Aristóteles

Adriana Santos Tabosa

Resumo


Sobre as noções de práxis e poiêsis na filosofia aristotélica.

Texto completo:

PDF

Referências


ARISTÓTELES. Éthique de Nicomaque. Texte, traduction, préface et

notes par Jean Voilquin. Paris, Ques Garnier, 1961.

ARISTÓTELES. Física I-II. Clássicos da Filosofia: Cadernos de

Tradução nº 1. Tradução revisada e notas de Lucas Angioni. Campinas

– SP, IFCH / UNICAMP, 2002.

ARISTÓTELES. Metafísica. Saggio introduttivo, testo greco con

traduzione a fronte e commentario a cura di Giovanni Reale. Volume

II. Tradução para português de Marcelo Perine. São Paulo, Brasil,

Edições Loyola, 2002.

ARISTÓTELES. Política. Tradução e notas: António Campelo

Amaral e Carlos de Carvalho Gomes. Colecção: Vega, Lisboa, Vega

Universidade/Ciências Sociais e Políticas. 1998.

JEAGER, Werner. Aristótele. Trad. José Gaos. México, Fondo de

Cultura Económica, 1997.

PEREIRA, Reinaldo Sampaio. Ato e Potência na Ética a Nicômaco.

Boletim do CPA, Campinas, nº 8/9, jul. 1999 – jun. 2000, p. 195-199.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.